Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Governo do Estado regulamenta prova de roupas e calçados
04/06/2020 09:43 em Região

Desde a retomada do comércio diante da pandemia da COVID-19, o Sindilojas Caxias vem buscando uma definição junto ao poder público.

 

O Sindilojas Caxias, em conjunto com a Fecomércio-RS, já tinha levado a demanda ao Governo do Estado e reforçou, recentemente, junto com a CIC e CDL, em audiência a necessidade de regulamentar o acesso do consumidor a prova de roupas e calçados.

Dentre os principais pontos da Portaria da Secretaria Estadual de Saúde está a recomendação de que se o comerciante optar pela abertura dos provadores de roupas, passe a higienizar os provadores com álcool 70% ou outro desinfetante indicado para este fim e após cada uso e, caso dotado de cortina, realizar a higienização com vapor e aguardar secagem para novo uso.

Será preciso realizar o controle de acesso aos provadores, a fim de evitar aglomerações e assegurar o distanciamento mínimo entre as pessoas e o tempo necessário à higienização. Além disso, o comerciante deve disponibilizar álcool-gel 70% ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar para higienização das mãos ao ingressar e sair dos provadores. Também será preciso orientar os clientes a permanecer com a máscara durante a prova de roupas e acessórios, seguindo proibida a prova de peças que entrem em contato com o rosto, como camisetas e blusas.

A Portaria recomenda a higienização das roupas após a prova ou a devolução pelo cliente, nos casos de retirada do estabelecimento para provar em casa, através de meio eficaz, como a utilização de passadeira a vapor, dispositivo de higienização ultravioleta ou assegurar período mínimo de aeração de 48 a 72 horas.

Os provadores devem ter cartazes orientando sobre a necessidade de permanência do uso da máscara, higienização das mãos e distanciamento entre as pessoas. Antes e depois da prova de calçados, é preciso orientar os clientes a higienizar as mãos e, após, mantê-los em local arejado, sem devolver imediatamente à caixa.

 

Informações: Assessoria de Imprensa/SindiLojas

Foto: Cristhian Silva

COMENTÁRIOS